3 Agosto 2021
pt | en Contactos | Mapa do Site
Página Inicial » Espécie do Mês » Jacarandá
Jacarandá Versão para impressão Enviar por E-mail

Jacarandás na Rua do CastanheiroO jacarandá, com as suas flores arroxeadas, é uma das árvores que embeleza a paisagem urbana funchalense durante a Primavera.

 

Mundialmente o género Jacaranda conta com cerca de 50 espécies, na sua grande maioria, provenientes das zonas tropicais do Novo Mundo.

 

 

Identificação

Pormenor das folhas

Árvore de porte médio que pode atingir cerca de 15 m de altura. O tronco do jacarandá pode atingir um diâmetro superior a 1 m. As folhas, que podem atingir 40 cm de comprimento, são opostas e bipinadas, constituídas por 25 a 30 pares de pequenos folíolos ovais, de coloração verde-clara acinzentada. O que mais atrai nesta espécie são, as suas belas flores roxas, medianas, dispostas em belos e grandes cachos terminais que normalmente surgem em simultâneo com os novos rebentos. Esta árvore produz muitos frutos, cápsulas que, quando secas, tornam-se lenhosas, lembrando pequenas “castanholas”. O período de floração na ilha da Madeira ocorre de abril a junho.

Pormenor das folhas

 

  

Distribuição

Jacarandás na Avenida do Infante

Argentina, Bolívia e Paraguai.

Na Madeira esta árvore é muito usada em jardins e parques, desde a beira-mar até aos 400 m de altitude.

 

 

 

Curiosidades

Jacarandás na Rua Dr. António José de Almeida

A madeira do jacarandá, de cor rosada, é de excelente qualidade e muito apreciada, sendo muito dura, pesada, compacta e de longa durabilidade. Ela é empregue, por exemplo, no fabrico de móveis, pisos laminados, instrumentos musicais e em aplicações no interior de automóveis de luxo.

Os seus frutos são utilizados no artesanato, para confeção de bijuterias e para arranjos secos.

Pormenor dos frutos

 

Referências bibliográficas

Cullen, J.; Alexander, J. C. M.; Brickell, C. D.; Edmondson, J. R.; Green, P. S.; Heywood, V. H.; Jorgensen, P. -M. Jury, S. L.; Kness, S. G.; Maxwell, H. S.; Miller, D. M.; Robson, N. K. B.; Walters, S. M. & Yeo, P. F. 2000. The European Garden Flora. Vol. VI. Cambridge University Press. 739 pp.

A nível da Macaronésia, Laurobasidium lauri está presente nas ilhas da Madeira e das Canárias onde parasita o loureiro (Laurus novocanariensis). Também está devidamente documentada a ocorrência desta espécie de fungo na Corunha (Espanha), parasitando árvores de Laurus nobilis e em Portugal Continental (Minho, Beira Litoral e Estremadura) a parasitar a mesma espécie de árvore
 

 
Taxonomia
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Scrophulariales
Família: Bignoniaceae
Género: Jacaranda
Espécie: Jacaranda mimosifolia D. Don
Autor desta ficha
Juan José Gonçalves Silva Juan José Gonçalves Silva
Conservador de Botânica e Responsável pelo Herbário
Saiba mais em:
Mapa do Site | Sugestões | Condições de utilização | Privacidade | © 2021, Municipio do Funchal Facebook | RSS